De segunda a sexta-feira, das 08:00 às 19:00, e aos sábados, das 08:00 às 12:00       (61) 3245-3444

Acompanhe

Já imaginou como o mundo seria diferente se você não pudesse escutar os sons à sua volta? Com certeza a audição não é o sentido mais aguçado dos seres humanos, com algumas raras excessões como, por exemplo, Michael Jackson e Frank Sinatra que possuíam o “ouvido absoluto”. Em estado instintivo ela pode ser necessária para alertar certos perigos e nos deixar atentos. Por outro lado, ela é fonte de momentos que nos proporcionam alegrias e prazeres: uma música, o canto dos pássaros pela manhã ou o barulho da chuva que dá vontade de dormir.

Já imaginou como o mundo seria diferente se você não pudesse escutar os sons à sua volta? Com certeza a audição não é o sentido mais aguçado dos seres humanos, com algumas raras excessões como, por exemplo, Michael Jackson e Frank Sinatra que possuíam o “ouvido absoluto”. Em estado instintivo ela pode ser necessária para alertar certos perigos e nos deixar atentos. Por outro lado, ela é fonte de momentos que nos proporcionam alegrias e prazeres: uma música, o canto dos pássaros pela manhã ou o barulho da chuva que dá vontade de dormir.

 

Para quem nunca escutou, a sensação pode ser emocionante. É o que o vídeo do bebê Lachlan, que divulgamos em nossa página do Facebook há algum tempo, mostra. Lachlan nasceu surdo e, por meio de um Implante Coclear, pôde ouvir, aos 2 meses de vida, a voz de seus pais pela primeira vez.

Mas o que é o Implante Coclear?

O primeiro Implante Coclear feito no Brasil foi realizado no ano 1990 e se trata de um dispositivo eletrônico de alta tecnologia que é implantado na cóclea. Esses  pequenos eletrodos são capazes de estimular as fibras nervosas de forma a transmitir sinais elétricos para o nervo auditivo, os quais serão decodificados pelo cérebro. Ou seja, esses sinais elétricos, que antes do implante não chegavam até o nervo auditivo, se transformarão em sons e o deficiente auditivo será capaz de ouvir.

Quem pode se beneficiar?

No geral, é indicado para pacientes que possuem surdez sensorial e bilateral. Mas não é tão simples identificar as pessoas que podem utilizar este tratamento. É necessário uma avaliação detalhada feita por médicos especializados, além de uma equipe multidisciplinar, para diagnosticar o paciente e definir se ele é candidato ao implante coclear. Além disso, o tempo de surdez influencia no sucesso do tratamento, quanto menor o tempo em que o paciente não escuta, maiores são as chances de reabilitação.

Por ser uma cirurgia muito delicada, a experiência da equipe médica é imprescindível. Por isso, procure profissionais qualificados tanto para realizar o diagnóstico quanto a cirurgia.

E não deixe de acompanhar as novidades em nosso site. Em breve teremos mais curiosidades, dicas e cuidados sobre o implante coclear e muitos outros assuntos relacionados à saúde.

Categoria: Cuidados