Cirurgias

Adenoidectomia

Esta cirurgia, muito comum em idade pediátrica, consiste na remoção das glândulas adenóides, que ficam na região entre as vias respiratórias e a parte posterior da garganta (nasofaringe), e é frequentemente realizada juntamente com a amigdalectomia. Sua indicação ocorre em casos de hipertrofia das adenóides, que pode causar obstrução nasal, roncos, apnéia do sono, infecções recorrentes de vias aéreas superiores e até mesmo problemas de disfunção da tuba auditiva e alterações no desenvolvimento crânio-facial. É um procedimento relativamente simples em que, na maioria dos casos, o paciente recebe alta no mesmo dia.

Agende agora sua consulta!